Movimentos dos olhos

Movimentos dos olhos (Occulesics): são as expressões faciais e os movimentos oculares.

Uma comunicação facial informa fortemente sobre o estado emocional do emissor. Emoções podem manifestar diferentes significados como felicidade, surpresa, medo, raiva, tristeza, desprezo e interesse. Nas organizações, é importante que as expressões faciais  sejam coerentes com as emoções, haja vista que as pessoas observam se a fala está de acordo com os sinais do rosto, diz Kreps (1995).

A exatidão também varia de acordo com as emoções.  Devito (1997) resgata o estudo de Ekman, Friesen e Ellsworth mostrando que as pessoas julgam as expressões faciais de felicidade com acuracidade entre 55 a 100 por cento, a surpresa entre 38 a 86 por cento, e a sadismo entre 19 a 88 por cento. Observa-se que algumas emoções são mais fáceis de codificar do que outras.

Kreps (1995) ensina que a comunicação através dos olhos emite mensagens diversas dependendo da qualidade do olhar, da direção e da duração. Nas organizações, pessoas de cargos mais elevados parecem A comunicação não verbal: um estudo de caso não estar obrigadas a fixar o olhar ao falar com subordinados. Da mesma forma, quando um superior não tem uma resposta, provavelmente desviará o olhar para pensar numa solução apropriada. Muitas vezes, comportamentos adaptadores do olhar podem suscitar falta de sinceridade na comunicação.

O contato do olho também pode servir a funções como esperar feedback ou informar que o canal está aberto para alguém falar. Pode, ainda, comunicar outros sentimentos, dependendo das expressões faciais que o acompanham, ou ainda combinar várias emoções ao mesmo tempo: olhos e pálpebras podem sinalizar medo e os movimentos do nariz e área da boca indicar aversão.  Na cultura dos Estados Unidos da América, o tempo médio que as pessoas se encaram é 2,95 segundos, enquanto o tempo médio dos outros povos é 1,18 segundos (Argyle e Cook, 1976).  Quando o contato do olha dura menos que esse tempo, pode sugerir desinteresse, timidez ou preocupação e quando o tempo excede aquela média, pode revelar um interesse mais elevado.

Os movimentos do olho também podem sinalizar a natureza de um relacionamento: um olhar atento transmite mensagem positiva, um olhar vago pode sinalizar desinteresse ou pode ajudar o outro a manter sua privacidade.  Normalmente, um emissor mantém um nível elevado do contato de olho ao escutar e um nível mais baixo ao falar.  Quando uma pessoa quer sinalizar domínio, ela pode inverter este padrão.

Finalmente, Devito (1997) busca argumentos nas pesquisas de J. K.Burgoon e Joseph Cappella para dizer que as expressões faciais podem expressar alguns sentimentos, mas não todos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s